terça-feira, 8 de agosto de 2017

Trincheiras do Commander - Spoilers Commander 2017


BOMMM DIIIAAAA VIIIEETINÃÃÃ, estou de volta, com a Coluna Trincheiras do Commander, e hoje vim falar de uma das coisas que mais gosto no commander, vou falar do spoiler do Commander 2017, que esse ano vai fugir do padrão que vinha trazendo em suas edições anteriores, com decks baseados em cores e todos com comandantes de mesmo custo, pois esse ano serão 4 decks tribais, e focados nas tribos e não no custo de mana ou em suas cores, sendo essas tribos Dragões, Vampiros, Magos e Gatos.

A princípio não achava os gatos muito interessantes, porém o início dos spoilers me fizeram mudar drasticamente de opinião, fazendo que eu queira mais esse deck para a minha coleção.

Até agora saíram as seguintes cartas,


Totalizando 26 cartas, e dessas apenas 4 são cartas lançadas anteriormente, ou em edições de commander ou outra edição, a ideia aqui é falar um pouco das cartas novas, que até o momento mais me chamaram a atenção, então vamos as cartas.

Um terreno comum, que entra virado, nessa hora você me olha e fala: tá de sacanagem? Como que  terreno que entra virado é bom? Calma pequeno Kakaroto ! vira Path of Ancestry ele adiciona uma mana de qualquer cor da identidade de cor de seu comandante, e se você usar essa mana para conjurar uma criatura que compartilhe o tipo de seu comandante, você faz scry 1, assim você pode ter informação sobre o card do topo de seu grimório e se não gostar ainda pode colocar no fundo do grimório, isso é ou não? algo muito forte em um deck tribal, imagine isso em um deck de elfos...



Ahh!!! o que dizer desse gato todo marrento, bom ele custa WW 2, ele tem iniciativa, e é 3/3, além disso se ele estiver equipado com 2 ou mais equipamentos ele ganha golpe duplo, mas não é só isso, pois você ainda pode pagar W1 e anexar todos equipamentos sob o seu controle, nele, transformando esse gatinho em um verdadeiro monstro, e isso é tão forte !!! pois imagine o seguinte, você tem na mesa uma Botas Pé-ligeiro,  uma Armadura de Argento, e Batterskull, você anuncia, estou ativando a sua habilidade de anexar todos equipamentos, e seu oponente responde, com uma Espadas em arados, para exilar Balan, Wandering Knight, e você responde pagando W1 e ativando novamente a sua habilidade, assim quando a espada em arados for resolver ele já vai estar equipado com a Botas Pé-ligeiro, fazendo com que ele seja um alvo invalido para a mágica.


Esse é sem dúvida alguma um comandante de 5 cores muito forte, pois ele custa 6 manas incolores, o que faz com que você consiga inclusive conjura-lo no primeiro turno, é algo difícil mas não impossível de se fazer terreno que entra em pé, sol ring, Mana Vault e Mana Crypt, pronto assim temos um comandante 4/4 com voar, além disso, sempre que você conjura uma mágica coloca um marcador +1/+1 para cada cor daquela magica, e que você pode uma  vez por turno remover 5 marcadores +1/+1 e gerar 10 manas sendo elas WW, UU, BB, RR e GG, acelerando muito o seu jogo, fazendo dele um ótimo comandante não só para o deck de dragões, como para qualquer deck de 5 cores.
Já que estamos falando de comandantes, por que não falar do líder dos felinos?


Arahbo, tem uma nova habilidade, que é eminence e a de Arahbo  é que no inicio de sua fase de combate se ele estiver no campo de batalha ou na zona de comando, outro gato alvo que você controla, recebe +3/+3 até o final do turno, e ele faz mais pois com ele em campo, ele tem a habilidade de sempre que um gato que você controla ataca, você pode pagar 1 G W, e se você fizer isso, esse gato ganha atropelar e +X/+X até o final do turno, sendo X o seu poder, agora imaginem Gato Sagrado, isso mesmo o gato que custa W 1/1  e tem vinculo com a vida,parece inofensivo, isso até ele marcar um encontro com Arahbo, bom com seu comandante em campo você entra na fase de combate, e ativa eminence, dando +3/+3 para o Gato Sagrado, agora ele ficou 4/4, e quando ele ataca você paga WG1, e assim ele vai receber atropelar e +X/+X sendo X o seu poder que no momento é 4, logo ele vai estar 8/8 atropelar vinculo com a vida, ou seja, esse comandante é capaz de transformar qualquer gatinho fofinho, em uma fera abominável.
Quando jogamos com decks tribais as vezes sentimos falta de cartas com sinergia para comprar mais cartas, bom Kindred Discovery, ajuda a resolver isso, pois quando esse encantamento que custa UU3, entra no campo de batalha, você escolhe um tipo de criatura, e toda vez que você conjura ou uma criatura do tipo escolhido ataca, você pode comprar uma carta,, repondo o seu arsenal tribal.


Esse gatinho fofo é a carta que mais gostei até agora, embora ela não tenha um power level alto, ela é a carta mais divertida da coleção, pois é um gato 2/2 com custo G1, que tem o seu texto com os seus gatos tem proteção contra ratos.
No inicio da sua fase final o oponente alvo ganha uma ficha preta de rato com toque mortífero.
Sempre que um rato morre, coloque um marcador +1/+1 em cada gato que você controla.
Ela é divertida por que, ao mesmo tempo que você dá uma criatura para um oponente, você sabe que essa criatura não será usada contra você já que os seus gatos tem proteção, e se esse rato morrer os seus gatos ficam maiores.
E já que estamos falando em cartas divertidas, outra que gostei foi...


Esse gato custa W2, é 3/3, mas o que o torna divertido, é que quando ele entra no campo de batalha você escolhe secretamente um oponente, e você pode revelar a qualquer momento o jogador escolhido, e exilar uma criatura atacante se for do jogador escolhido, você só pode ativar essa habilidade uma única vez.


Sabe aquelas cartas que ninguém da atenção mas acabam oferecendo uma grande vantagem, é assim que eu vejo Herald's Horn, pois esse artefato incomum, costa 3 manas, e quando entra no campo você escolhe uma tipo de criatura, e as suas criaturas desse tipo custam 1 mana a menos, e no inicio de sua etapa final, olhe o card do topo do seu grimório, se for uma criatura do tipo escolhido, você pode revelar e colocar na sua mão, ou seja você tem informação sobre a próxima carta que vai comprar ( se não for criatura do tipo escolhido), ou você fica com ela na mão (revelando essa criatura).

Bom galera essas são algumas das cartas que separei para falar hoje, ainda tem muita coisa que gostei e voltarei a falar, além de aguardar novos spoilers, espero que tenham gostado, e caso tenham sentido falta de alguma carta é só comentar que respondo sobre.

E hoje no vou encerrar com o meu Esqueleto inimigo do He-Men, pois vou terminar com um vídeo clipe do seu primo bem mais vingativo, eu lhes apresento Karthus vocalista da PentaKill, confiram a letra da musica...


Nenhum comentário:

Postar um comentário