quinta-feira, 23 de maio de 2013

A única constante é a mudança

A única constante é a mudança.
Julio De Biasi


Eu acho que ninguém teve tempo ainda para ler tudo o que acontece HOJE no Magic, muito mais importante que o artigo que eu estou tentando terminar de escrever, vão ser todas as mudanças que Magic 2014 vai trazer para o jogo em 13 de Julho, e 29 de Julho para o Magic Online.

Você pode achar que não, mas isso afeta você, e a qualquer outro jogador e em qualquer formato.

Vou colocar o geral, e quem quiser ler mais (em inglês) pode ir até o site :
E para um visão mais detalhada de uma mudança que vai gerar muita discussão no Commander:


Bom, vamos as mudanças então:

1. Regra de Lenda. (The Legend Rule)

Até então, depois de algumas mudanças, a regra de lenda funcionava de forma bem simples. LENDA é LENDA e não podem existir duas com o mesmo nome em campo. Isso servia também para Planeswalkers. E isso era válido para a mesa toda, 2 ou mais jogadores.  Ao se ter uma LENDA na mesa, a entrada de uma MESMA LENDA, ou de um Planeswalker com o mesmo subtipo, no campo de batalha fazia com que as duas fossem "sacrificadas" como "state based effect", não tinha como responder, não tinha nada, era simplesmente feito.

Como vai ser agora? Agora a regra lenda vai se aplicar APENAS a SI PRÓPRIO, vai levar em conta cada jogador individualmente. Como assim? Bom, se eu tenho Aurelia, Líder de Guerra em jogo e meu oponente faz Aurelia, Líder de Guerra para ele, ok! As duas permanecem em jogo e "todo mundo fica feliz", o Baby com certeza fica, mas #chupababy

Isso quer dizer que eu posso fazer a minha segunda Aurelia e partir para o ataque? Não.

Mas então o que vai acontecer? Caso você e seu oponente controlem UMA CADA UM, NADA vai acontecer.

Mas você, jogador A, não vai poder ter duas permanentes lendárias iguais, ou dois Planeswalkers de mesmo subtipo, ao mesmo tempo, MAS vai ter a chance de escolher qual deixar em jogo, a antiga, ou a mais recente.

Como assim????? Seu oponente faz Pacifismo na sua Aurelia, você então faz outra Aurelia e decide então ficar com a mais nova, fazendo com que a Aurelia "pacificada" vá para o cemitério assim com o Pacifismo e você vai estar livre para atacar duas vezes. Legal né ? Bom, para o seu oponente e para os velhacos do Magic, nem tanto.


A mesma coisa vai acontecer com os Planeswalkers de mesmo subtipo, eu faço meu Jace Beleren, compro uma carta e então faço Jace, Arquiteto do Pensamento escolho por ficar com o mais novo, mandando Jace Beleren para o cemitério, e faço a habilidade +1 dele, supondo que eu tenha mana o suficiente, faço Jace Memory Adept, de novo mandando um Jace (arquiteto do pensamento) embora, e mando meu oponente "millar" 10 cartas. Ou seja, usei o "mesmo" Planeswalker num turno, e 3 habilidades diferentes.


"Evoluindo" Jaces !

Provavelmente não vamos ver isso acontecendo, talvez no Commander, mas putz, parece ser fora de proporção.

Vale esclarecer também que o fato de seu oponente ter um Jace do lado dele não faz diferença nenhuma para você e seus Jace"s". Já que vai funcionar igual a qualquer outra permanente lendária.

2. O SIDEBOARD

Antes de mais nada, vou explicar o que é um Sideboard e como funciona o formato construído, acho necessário, já que ao jogar Pauper num torneio amigável dois de meus oponentes não sabiam o que era isso.

Sideboard de um formato Construído é um conjunto de OBRIGATORIAMENTE 15 cartas que você pode ter além do seu Deck normal e pode usa-las para enfrentar ameaças especificas trocando-as com as cartas do seu Deck normal para a segunda ou terceira partidas naquela rodada.

E como são os formatos construídos até hoje (Pauper, Modern, Extended, Legacy, Vintage, Standard, acho que não esqueci de nenhum)

Você tem uma seleção de cartas para escolher no máximo quatro delas (ou 1 caso ela seja restrita em Vintage), e usar quantos terrenos básicos quiser (Planicie, Ilha, Pantano, Montanha, Floresta) e montar um baralho de no MÍNIMO 60 cartas e o céu é o limite para uma Batalha de Raciocínio.

Bom, é assim que vai ser até o dia 13 de Julho, e então vai mudar para ficar bem próximo do que é o formato Limitado (Draft e Selado).


O formato limitado hoje é bem mais reduzido e com um Sideboard bem mais amplo. Num draft você acaba tendo 42 (45 com terrenos) cartas e tem que  montar um Deck com no MINIMO 40 cartas, incluindo os terrenos básicos, e no fim, tudo o que sobrar é o seu Sideboard, uma média de 20 cartas.

No caso do Selado de 6 Boosters, você vai abrir 90 cartas e terminar com o Deck de no MINIMO 40 cartas, incluindo os terrenos básicos, e no fim, tudo o que sobrar é o seu Sideboard, uma média de 65 cartas. 

E como é usado o Sideboard no formato Limitado, você não precisa trocar as cartas, você pode simplesmente adicionar as cartas do seu Sideboard no Deck e jogar com um numero maior do que 40 cartas.

Com tudo isso explicado e fora do caminho, vamos a mudança aqui.

A partir de 13 de Julho, o SIDEBOARD de um formato Construído vai poder ter ATÉ 15 cartas, ou seja, você não precisa mais ter exatas 15 cartas, acreditem, isso causou já muito Game Loss para jogadores, começando uma partida já "perdendo" por conta de listar o Deck errado, colocando por exemplo 14 cartas no SIDEBOARD.

E o que mais? Assim como no formato Limitado você também vai poder simplesmente adicionar uma (ou mais, ou todas)  carta(s) do seu Sideboard para o deck. Isso diminui a incidência de Game Loss para jogador que esqueceu de colocar uma carta do Deck para o Sideboard começando o jogo 2 com 61 cartas por exemplo.

É válido deixar claro que o inverso não pode acontecer, se o seu Deck tem 250 cartas e um Sideboard de 15 (ou menos) cartas, você não vai poder ir para segunda partida com 60 cartas no deck e 205 no Sideboard, o MÁXIMO PARA O SIDEBOARD CONTINUA SENDO AS MESMAS 15 CARTAS.

3. Indestrutível, agora uma PALAVRA-CHAVE.

Indestrutivel agora vira palavra-chave, e porque isso é relevante agora?
Simplesmente porque antigamente a palavra "Indestrutivel" em uma permanente era algo verdadeiro sobre aquele objeto e não mudaria, mesmo que a permanente em questão perdesse todas as habilidades e se tornasse um "Sapo Azul 1/1", ela continuaria sendo indestrutível, agora não, vai fazer diferença, e de duas formas:

  • Uma permanente Indestrutível que perde todas as suas habilidades deixará de ser indestrutivel. Exemplo: Uma criatura se torna indestrutivel com Resistir a Morte e então Transformar é usada para fazer com que ela perca todas as habilidades e Queimar para então destruí-la, vai funcionar e a criatura vai ser destruída. 
  • Criaturas ou permanentes que se tornam indestrutivel por uma habilidade ou mágica, por exemplo Medalhão Boros, antigamente qualquer permanente que entrasse no campo de batalha depois da mágica resolver seria indestrutivel, AGORA ela não será mais, pois vai entrar no campo APÓS as permanentes ganharem tal habilidade.
Segundo a Wizards mais ou menos 60 cartas receberão a troca de wording (palavreado) e funcionabilidade.

4. Inbloqueavel, decididamente não é uma palavra-chave.


Simplesmente pela falta de necessidade de existir, e por que pode aparecer das mais variadas formas, "não pode ser bloqueada esse turno", "só pode ser bloqueada por duas ou mais criaturas", "não pode ser bloqueada por criaturas vermelhas/verdes/etc".

5. Terrenos adicionais

Essa é uma regra bem dificil de explicar e pode ser bem complicada de entender, eu vou resumir e falar o que podia antes e como vai ser agora. Vou usar o mesmo exemplo da Wizards e tentar fazer da forma mais simples possivel.



O texto do Oráculo diz "Você pode jogar um terreno adicional em cada um de seus turnos".

  • O que podia antes: Você podia anunciar qual terreno estaria colocando no campo de batalha, podendo dizer por exemplo "estou colocando no campo o terreno referente ao meu Oraculo de Mul Daya", atacar, ele morrer e então você fazer o "terreno do turno" já que você ainda não o tinha feito.
  • O que podia antes: Você podia fazer o terreno do seu turno, fazer o terreno do Oráculo e então de alguma forma, digamos por Esconjurar, conjurar o Oráculo de novo e então ter a chance de colocar MAIS UM TERRENO em campo, e com o mesmo Oráculo [teoricamente] ter colocado dois terrenos.
Isso acontecia porque você podia então declarar qual/porque estava colocando um terreno no campo de batalha e foi isso que mudou.

Agora você tem um numero X de terrenos para colocar no campo de batalha, que no caso é 1 (UM). Qualquer habilidade ou mágica que dê a possibilidade de colocar um terreno no campo de batalha vai ser adicionada a esse X, mas de uma forma diferente. Vamos ao exemplo:
  • É seu turno, você tem um Oráculo no campo de batalha, coloca um terreno, ataca e ele morre, na sua segunda etapa principal você não vai ter direito a colocar mais nenhum terreno no campo, porque seu X é 1 já que o Oráculo não está mais no campo de batalha.
  • Você tem um Oráculo no campo de batalha (X = 2), faz um terreno, faz o adicional e Esconjura o Elfo para sua mão, fazendo com que X seja igual a 1, ao conjura-lo novamente seu número de terrenos por turno vai ser 2 (X = 2), e como você já fez dois terrenos esse turno, nada mais de terrenos entrando no campo de batalha para você.
  • O mesmo exemplo acima, mas ao invés de Esconjurar o Elfo, fazer um NOVO Elfo, ficando com DOIS Oráculos de Mul Day no campo, seu X vai ser igual a três e ai então você vai poder fazer os três terrenos desejados. (E haja cobiça nesse mundo!)
Eu espero que todas as mudanças tenham sido explicadas, e que tenha sido "fácil" de entender. Eu sei que ficou um texto bem grande, mas era necessário, já que tantas mudanças serão feitas.

O impacto disso tudo pode ser discutido de formas mais variadas, e acho que o impacto da Regra de Lendas faz com que muitas cartas fiquem mais ou menos fortes, seja no Legacy (com Lajes de Trokair ficando pior, ou com Karakas ficando melhor), ou no Commander aonde Comandantes com Hexproof se tornam muito mais dificeis de serem lidados. o Legacy é um formato que a Wizards vai observar de perto (diz ela), enquanto Commander é um formato "não regulamentado" por ela, e deve ter sua entidade "responsavel" observando o potencial disso.

Um grande abraço e até a próxima !!!

2 comentários:

  1. Acho que vão banir tio Jace no Legacy e acho que as criaturas lendárias tem mais chance de ficar mais jogáveis, já que você não precisa se preocupar com mirrors chatos.

    O fato de você não poder matar lendas com Phyrexian Metamorph é sim um problemaço que eu não curti nem um pouco (apesar de fazer sentido se considerarmos o design da carta). Acho que vai afetar muito sideboard e lista de commander que usava Phantasmal Image como removal.

    ResponderExcluir
  2. Gostei bastante do artigo, só discordo de vc quando diz q Lajes de Trokair vão ficar piores com a nova regra, na verdade elas vão ficar MUITO melhores agora!

    ResponderExcluir