quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

Avaliação de Portões Violados


Danilo Paoliello
E aí? Ansiosos? Eu estava, até sair o spoiler completo da edição eu estava bastante otimista, agora eu vejo algo menos do que esperava e desde que voltei, em Dark Ascension é a primeira vez que não gosto de uma coleção.

Serão tempos menos prósperos, a venda não será tão boa e só não será ruim porque RTR foi muito boa e isso deixa marcas, também porque são 5 shocklands, mas temo que seja praticamente só.

E que tradução ruim, esse nome me lembra contos de fadas não infantis em que as princesas são violadas e os heróis continuam sendo frouxos.

Mas, deixando o mimimi de lado.

Coisas legais para fazer em Gatecrash:

Cifrar 

1) É importante notar que é um efeito de combate, então fazer a mágica antes do combate começar, tendo certeza de que alguma criatura irá conectar ao oponente (sem bloqueadores, manas viradas), daí serão duas magias pelo preço de uma;

2) Matar a criatura com a cifra; 

Impulso Sanguinário

1) Outro efeito de combate, apenas ocorre no ataque, não pode ser anulado por ser uma habilidade;

2) Matar a criatura alvo da habilidade, temos um excelente 2 por 1.

Evoluir

1) Atenção à ordem das criaturas que serão baixadas, você não quer perder uma ativação por inverter ou por esquecer que ao receber marcadores a criatura fica maior e portanto menos apta a conseguir evoluir;

Extorquir

1) A habilidade mais genérica, provavelmente a que será ativada a maior quantidade de vezes;

Batalhão

1) Terceira habilidade de combate que só se ativa no ataque, parece a mais restrita entre todas, porém é diferente das outras, sendo ativada na declaração do ataque;

2) Matar a criatura antes da declaração de atacantes e avaliar qual a melhor troca para você, lembrando que a habilidade só ativa se houver 3 atacantes, portanto, não é necessariamente uma regra bloquear a criatura com a habilidade ativada;

O que você não quer fazer

Splashs esdrúxulos, fique no óbvio Gruul vai para Simic e/ou Boros e não vai para Preto (exceção ao deck mais bacana possível que é cheio de Impulso Sanguinário, atropelar ou voar e Recuperação da Meia-Noite, mas faça consciente da chance de falha).

Então, para facilitar a lista dos splashs mais difíceis ou, em outras palavras, aqueles que você não quer: Simic não vai para Branco, Boros não vai para Azul, Orzhov não vai para Verde, Dimir não vai para Vermelho e Gruul, como já dito, não vai para Preto. Isso, obviamente, implica em não ir para as guildas com essas cores.

E, claro, jogar de Dimir. É ruim demais! No draft pode até ter chance a estratégia do “mill”, mas no selado ou sua “pool” é muito boa nisso ou você será um pato, afinal os patos nadam, voam e andam, mas não são bons em nada disso.

Devaneios

Quando eu jogo com Rakdos sempre penso, como seria bom se essa guilda tivesse alguma chance no mid game, nunca cheguei a pensar em um late game Rakdos, mas também seria legal.

Olhando para Boros percebi que é tudo que eu desejava nos Rakdos, você começa batendo igual, porém lá no quarto/quinto turno, momento no qual se Rakdos ainda não venceu já perdeu o fôlego, Boros irá ativar sua habilidade Batalhão e... bem, nem sempre será algo efetivo, mas é uma chance.

Uma carta que eu usarei (se abrir) no meu Simic é Biomutação, é excelente, pois é um truque de combate bastante eficiente no mid ou late game, tem um alvo muito bom que resulta em comprar X cards quando combinada com a carta brinde da guilda, Mago da Compreensão, e custa quase o mesmo que uma mana incolor.

Há uma relação inversa nessa edição referente ao splash, o terreno é raro e o artefato é comum, o que na minha opinião faz mais fácil o splash, pois você não vai contar o terreno no total e o artefato te dá uma compra ao entrar em jogo, torça para abrir.

Kill Conditions

Orzhov

Essa guilda se focará no late game, com as melhores e mais comuns opções de remoção e com criaturas aptas a não morrer bloqueando, seja com alta resistência, seja com regeneração, o foco estará em ter uma mesa melhor e matar com Extorquir, habilidade que também ajuda na missão de não morrer.

O carta bônus Thrull do Tesouro é uma mão na roda nessa vertente, com um corpo bastante bom, maior que a maioria das criaturas que gira entre 2 e 3 de ataque e resistência, e devolve uma permanente não terreno para sua mão do cemitério, permitindo ativar Extorquir mais vezes e virtualmente uma vez por turno.

Dimir

São duas opções nessa guilda fraca, na primeira o foco será colocar cartas do grimório no cemitério, em um campeonato selado isso não será muito eficiente e seria totalmente improvável, não fosse a carta bônus, Aberração Consumidora.

A outra será passar pelas defesas adversárias com evasão e tirar proveito de efeitos repetidos com a mecânica de Cifrar, não fosse a concorrência com a estratégia citada acima, isso seria uma preocupação maior, se eu tivesse escolhido essa guilda focaria apenas nessa estratégia.

Boros

Caso você conheça como jogou Rakdos no pre-release anterior já sabe como será uma mesa Boros, rápida, agressiva e direta, sem devaneios ou truques escondidos na mão, o objetivo é acertar o oponente com força e fazer isso numa crescente que ative a mecânica Batalhão.

Campeão da Fundição é uma carta poderosa, cara, mas muito resistente, com as 6 manas que você é obrigado a ter para baixa-lo ele fica maior e capaz de trocar ou simplesmente vencer qualquer outra criatura da coleção.

Gruul

Outra guilda agressiva, tristemente é muito vulnerável ao 2 para 1 e não tem acesso a Proteção à Magia, mas compensa isso com força bruta, como estratégia existe apenas o combate.

O vermelho não ter uma carta de dano direto decente e comum atrapalha bastante os Gruul, que não serão tão rápidos quanto os Boros, mas serão mais corpulentos.

Penso que a carta bônus Brutamontes de Escombros seja a pior entre elas, pois normalmente será apenas usada pela mecânica Fúria Sanguinária e, quando descer como criatura será algo de 6 manas 6/6 com vistas a atacar como uma 7/7, coisa que uma carta comum com o mesmo custo e da mesma guilda consegue fazer.

Simic

Os melhores truques de combate estão aqui, a estratégia é ter sempre uma resposta ao combate, seja aumentando as criaturas com a mecânica Evoluir, seja com magias.
Ter uma boa carta bônus que possibilita compras é muito bom, só não ajuda ela estar fora da curva, mas, praticamente qualquer bicho faz ela Evoluir.

Prêmios

Prêmio “Te Peguei”:

Vidente do Manto do Crepúsculo

Essa carta valerá muito por pouco tempo, ela não é o Bob (Confidente Sombrio), parece, mas não é.  Vamos aos fatos: 1) não joga no Jund; 2) É um drop 4; 3) Dá vantagem ao seu oponente também.

Portanto, sua maior chance será a de matar o oponente com o dano da carta revelada e não acho que será uma construção vencedora.

Hoje vale entre 40 e 50 reais, não deve se manter aí por mais de um mês e depois fica na casa dos 20, enquanto for T2.

Esse prêmio teria que ser dividido com os Planeswalkers, que são bem fracos e estão R$ 70,00, meu conselho se abrir um: VENDA!

Prêmio “Cri... Cri... Cri”:

Visitação Primal

+3/+3 é ótimo, por 5 manas fica menos interessante, mas tem um bônus... Ímpeto, que maravilha. Por 7 manas você colocará sua criatura na mesa 6/4 se for aquela excelente Boros: Aerojek Audaz.

Agora imagine uma partida que chegue a esse ponto... cri cri cri.

Prêmio “Não sei o que”:

Resultados Inesperados

Essa é uma carta que só serve para queimar espaço no limitado, afinal você não manipula seu topo para escolher algo bom e não quer apostar na sorte de achar um terreno e poder fazer essa mágica de novo (o que, convenhamos, não é a expressão legítima de sorte) ou pagar 4 manas para um efeito de 1, 2 ou 3, que é o que existe de mais comum num deck limitado.

Em Construído é quase tão ruim no T2 pela falta de opção para controlar o topo, fora dele tem alguma chance, remota, mas sempre existe um combeiro louco por um Através da Brecha.

Conclusão

É uma coleção de média para fraca, média apenas pela possibilidade de existir nela algo que eu não tenha enxergado e pela falta de sorte de vir após uma excepcional como é Retorno à Ravnica; e fraca pela cara que tem, realmente muito abaixo das expectativas, tanto para T2 quanto para T4.




Nenhum comentário:

Postar um comentário