sexta-feira, 9 de março de 2012

O Multiverso

O Multiverso — uma extensão ilimitada de mundos, cada um diferente do outro. Esses mundos, chamados de planos, são tão diversos quanto se possa imaginar. Um plano pode estar totalmente coberto por uma densa selva, por exemplo, enquanto em outro, a natureza pode ter sido inteiramente substituída por cidades de concreto. Outros ainda podem ser vulcânicos, gélidos, estéreis ou semelhantes ao nosso mundo, com elementos variados.

Muitos planos são esferas com atmosfera e mais sóis e luas, lembrando planetas. Mas nenhuma lei da física se aplica de modo uniforme a todos os planos do Multiverso. Os planos podem ser vastidões infinitas de matéria, minúsculas esferas de espaço vazio, ou inversões da realidade normal que desafiam a lógica. Um plano pode conter um inteiro e vasto universo ou absolutamente nada.

Apenas uma coisa une todos os planos do Multiverso: o mana, a energia que alimenta a magia. O mana infunde a terra, e somente aqueles que possuem uma conexão com a terra podem utilizá-lo. Alguns planos são mais ricos em mana que outros. Nesses planos, a magia é poderosa e muito comum. Em outros lugares, onde o mana é escasso, a magia é algo raro.

Os seres comuns não têm idéia de que existem outros planos além do seu. Eles passam a vida inteira acreditando que o seu mundo é o único existente. Sua percepção é limitada pela sua experiência, isolada do restante do Multiverso. Somente os planeswalkers conhecem a grande verdade: que cada plano é apenas um dentre muitos, e que somente eles podem viajar para outros planos.

Todos os planos estão conectados entre si através da matéria do próprio Multiverso: um éter chamado de Eternidades Cegas pelos planeswalkers — os únicos seres capazes de vê-la. Nesta caótica expansão surreal de energia e matéria incontidas, o tempo, a distância e os sentidos têm pouco significado.

A habilidade de atravessar as Eternidades Cegas não é a única coisa que distingue os planeswalkers dos outros seres do Multiverso. Essa habilidade lhes permite formar conexões com muitos terrenos diferentes, encontrar centenas ou até mesmo milhares de raças e criaturas, e aprender uma grande diversidade de mágicas — muito mais do que qualquer arquimago de um plano possa um dia sonhar.
As vastidões do Multiverso e as maravilhas que esconde... é isso que une todos os planeswalkers, que os impulsiona através das Eternidades Cegas e dos outros planos.

Fonte: wizards.com



Nenhum comentário:

Postar um comentário