quinta-feira, 4 de agosto de 2011

Pauper – Listas de Deck


Filosofando (desta vez nem tanto – muitas informações factuais e links) o Magic 

 

by Tio_Helio






Nariz de cera (desta vez, pequenininho)

Eu não planejava escrever um post sobre decklists, mas como parece haver um interesse geral em listas bem sucedidas de pauper... Antes de focar no mundo do MOL:

Você precisa saber da piscina...” Baby – Caetano Veloso (não, não é a do Justin Bieber)

Se você por algum motivo vai jogar pauper com cartas de papel, irl (daqui pra frente falarei em “no papel”, referindo-me ao jogo com cards de papel, e “no MOL”, referindo-me ao jogo no Magic Online, quando necessário), você precisa lembrar-se de algumas coisas:


- High Tide é comum no papel. Pergunte ao organizador se Busca Frenética é banida. A gente sabe que no MOL é, mas como o pauper não é um formato sancionado no papel, o organizador é automaticamente promovido a “divindade pessoal” que “manda prender e soltar” e bane Envigorar e High Tide se quiser. Se não for, dá pra jogar com Poor Man's Solidarity ou Vintage Pauper Storm, enfim, um deck de muitos nomes que conta storm com as cartas de Legado de Urza que desviram terrenos + High Tide + Compre Cartas e mata com metralha. Não é divertido, mas é eficaz. Depende do seu foco no torneio.




- Granada Goblin e Hymn to Tourach são comuns no papel. Dá pra se pensar seriamente em tacar Granada Goblin nos decks pauper de Goblin que circulam no MOL para jogar no papel. Hymn to Tourach é, normalmente, a carta que quem usa Retorcer a Mente no MOL queria usar... Veja se não compensa colocá-la no MD, pois com Hymn to Tourach o cara descarta aleatoriamente da mão, sem poder deixar de descartar o terreno. Por questões de Fair Play, peça para o oponente embaralhar as cartas da mão antes de descartar aleatoriamente.



- Centelha Letal e Termocarse são incomuns no papel, embora sejam comuns no MOL (nas Masters Editions da vida). Existem listas no MOL que usam essas duas cartas, se você for copiar uma das duas listas para jogar no papel, faça as devidas substituições.








(o parágrafo seguinte pode ser pulado)

Outras cartas comuns no MOL e incomuns no papel (em inglês, estaria em ordem alfabética): Sentinela de Adarkar, Aeolipile, Alluring Scent, Ancestral de Anaba, Artesão Espiritual de Anaba, Armored Griffin, Conjurador Balduviano, Barktooth Warbeard, Bone Flute, Homem de Bronze, Brilliant Plan, Citanul Druid, Enxame Mecânico, Coal Golem, Demonic Torment, Desperate Charge, Mouroço dos Mortos, Cavalo de Ébano, Rinoceronte de Ébano, Elven Lyre, Exílio, A Pedra Fellwar, Feral Thallid, Dragonete de Fogo, Tapete Voador, Foul Spirit, Óculos de Urza, Goblin Firestarter, Fusão Tumular, Heavy Fog, Hunting Cheetah, Lêmure Hialóptero, Icatian Lieutenant, Falange Icatiana, Sismo Glacial, Prisão Gélida, Ironhoof Ox, Jedit Ojanen, Jerrard of The Closed Fist, Just Fate, Guarda de Elite Kjeldorano, Capitão Celeste Kjeldorano, Knights of Torn, Capataz Kobold, Lady Orca, Lava Flow, Lagarto Saltador, Lesser Werewolf, Grimório de Leng, Golpe Relâmpago, Mightstone, Oásis, Golem Obsianus, Capataz Ogre, Onuleto, Juramento do Jardim de Pêssegos, Forças Fantasmais, Montaria Fantasmal, Monstro Fantasma, Barro Primordial, Ramirez DePietro, Red Cliffs Armada, Righteous Avengers, River Merfolk, Rockslide Ambush, Raízes, Roterotóptero, Royal Trooper, Fada do Mar, Bestiário de Serra, Esfera de Escudos, Shu Elite Companions, Shu General, Shu Soldier-Farmers, Shyft, Sir Shandlar of Eberyn, Sivitri Scarzam, Slashing Tiger, Graal Solar, Spoils of Victory, Strategic Planning, Cetro de Tawnos, Telekinesis, Thallid Devourer, The Lady of the Mountain, Lacaio Thrull, Tobias Andrion, Torsten Von Ursus, Trip Wire, Urza's Chalice, Barreira de Algas, Wall of Light, Anseio por Viagem, Deformar Artefato, Wei Elite Companions, Nivoso, Wu Longbowman. (A lista foi feita manualmente, isso significa que: se você pretendia usar uma carta da lista, vale a pena conferir se ela não saiu em comum no papel e pode existir uma carta comum no mol, não-comum no papel que ficou de fora da lista.)

(fim do parágrafo “pulável”)

Enfim, o pauper no papel é substancialmente diferente do pauper no MOL, mas é possível usar as mesmas listas fazendo as devidas adaptações.

Se você pensa que meu coração é de papel, não vá pensando, pois não é” (Coração de Papel – Sérgio Reis)

Como foi comentado, o volume de jogo do pauper é maior no MOL e como, ressalvado o que foi dito acima, as listas do MOL funcionam “muito bem, obrigado” no papel, vou colocar links para listas de decks classic pauper do MOL (outro motivo é a dificuldade em caçar listas de torneios pauper de papel na internet).
No site da Wizards existe um lugar “escondido” que tem as listas dos torneios mais recentes do MOL - http://bit.ly/eNHbaO – no canto direito, mais pra baixo, existe um “menu” lateral chamado “event coverage” - ali estão as listas do top 8 dos citados eventos – entre eles, o tal do Daily Pauper, que é o que nos interessa agora (uma dica – se você quiser guardar uma lista de top 8, salve-a nos favoritos, pois elas ficam por lá mais ou menos uma semana).

Este que vos escreve teve a pachorra de olhar lista por lista de todos os dias até encontrar um top 8 que tivesse pelo menos um deck de cada cor: http://bit.ly/mRloQv (esses são os que vou comentar abaixo – os nomes dados abaixo foram dados arbitrariamente por este que vos escreve, não são necessariamente os nomes dos decks). Falando mais detalhadamente de um deck de cada cor, acabo falando de cartas importantes em cada uma delas. E o “chato de achar” quer dizer “difícil de encontrar em papel”, pois no MOL sempre tem um bot para vender o que você precisa...

Monogreen infect – Esse deck é relativamente simples, porém muito eficaz. Primeiramente, ele usa entre 12-16 criaturas verdes com infectar, cartas para “inflar” e dar Atropelar para essas criaturas e alguma aceleração de mana. Com uma mão bonita, dá para matar o oponente no turno 2, pois 8 pumps do deck são “grátis” (Envigorar e Crescimento Mutagênico). No papel você pode usar Concessão de Terreno (Máscaras de Mercádia ainda não saiu no MOL) para tirar algumas florestas.

As cartas mais caras do deck são: Pétala de Lotus (difícil de substituir), Rancor (pode ser substituída por Predação Antinatural, mas é bem diferente). Envigorar é uma carta chata de achar e é um dos pontos fortes do deck.

White Weenie – Um deck branco, recheado de criaturinhas, com Lasca-ossos, Inexisir e Jornada para Lugar Nenhum e foco em proteção no SB (ou até no main). Guardião do Pacto das Guildas é uma espécie de bicho-papão no pauper, chatíssimo de achar (poucas cartas, como Distorção Agonizante, dão fim nele). Order of Leitbur (que dá para substituir por Sombra de Torkair) e Cordões Prismáticos são cartas chatas de achar, porém, aqui no Brasil, talvez a carta mais difícil de achar seja Holy Light, de the Dark. Se a ideia for usá-la no SB contra Esvaziar os Viveiros, talvez seja possível tentar se virar com Sacerdote da Sutura.

Apesar das cartas difíceis de encontrar, é um deck montável, pois várias criaturas boas – ou nem tanto – podem ser usadas com razoável sucesso, principalmente se possuírem algum tipo de evasão – por exemplo Falcão de Esqudrão, Soldado de Infantaria Soltariano, etc.

Mono Blue – No top 8 do link acima, o deck usa praticamente todas as criaturas “azuis” relevantes (Golem Espiralado, Vaga-pensador, Nuvem de Fadas, Ninja das Horas Tardias, Sílfide Magioclasta – faltou Oráculo do Portão Marinho, Abocanhador de Calcita e Barreira Mnemônica), já que o resto das criaturas comuns azuis mais atrapalha do que ajuda. Normalmente é um deck que envolve um punhado de anulações (Contramágica, Runa Protuberante, etc.) e compra de cartas. Apesar de ser eficaz, eu prefiro usar um splash com preto, para ter acesso a remoções consistentes (ratos da cripta, Distorção Agonizante).



Burn – Eu pessoalmente não gosto do deck de Burn no pauper, entretanto o deck está tão  consistente quanto o de goblins no meta do MOL (até mais). A carta cara do deck é Chain Lightning. Eu jogo com Burn/Sligh há 15 anos e posso dizer que nada substitui perfeitamente Chain Lightning. O que é possível é aumentar a contagem de Incenerar e Searing Blaze, tentar jogar com Fenda de Chamas e Choque ou Arc Trail. Jogar com 2 Salva de Cacos e 4 Explosão de Fogo pode ser um problema em alguns matches, pois acaba sacrificando muito a consistência em virtude de uma potencial falta de montanhas.

Saqueadores Keldonianos é uma criatura excelente (ele não é 5 de dano por 2 manas, pode ser também um block ou remoção + 2 de dano, o que é praticamente card advantage contra Aggro). Algumas listas usam Demônio da Fornalha. Eu não gosto dessa carta (talvez no pauper standard, com Golpe Distorcedor), pois normalmente ela acaba sendo uma carta morta, que mata um bloqueador – o que acaba sendo desnecessário, já que Labareda Cauterizante e Saqueadores Keldonianos fazem isso e causam dano no oponente, coisa que o Demônio da Fornalha quase nunca faz. No Pauper, pode ser side contra Storm, entrando no lugar de Labareda Cauterizante.

Mono Black Control – Um dos meus favoritos. Ratos da Cripta funciona como uma remoção violenta, que causa danos nos jogadores (o que pode empatar jogos perdidos, por exemplo). Ratos Chiadores e Ratos Raivosos completam o time de ratos que irritam oponentes. Existem listas que usam Desenterrar, para aproveitar melhor os ratos e o Raivoso Phyrexiano. Além de remoções de criaturas, o deck usa Corromper e Consumir o Espírito para ganhar vida (e eliminar a “desvantagem” provocada pelos Ratos da Cripta ou uma eventual perda de vida para um deck agressivo no início do jogo) e matar criaturas e/ou jogadores. É um deck sólido, embora um pouco errático no MOL (meses atrás, andava meio sumida e recentemente reapareceu). No campo das substituições, você até pode tentar usar Pestilência no lugar de Ratos da Cripta mas é uma carta com pouca sinergia e custo alto (principalmente se você usar Desenterrar). Você pode fazer combo no papel com Portão do Cemitério (essa última frase era para ser brincadeira, mas já vi listas de BW control fazendo isso – significa que deve ter funcionado para alguém...).

No papel, falei no post anterior que uma carta cara no papel é Sinkhole (ela é rara no MOL). Ela continua cara, mas não vamos deixar de jogar pauper no papel. Areias Asfixiantes e Terreno Râncido podem destruir terrenos com bônus. Algumas listas no MOL usam Conspurcar com sucesso. Sinkhole, apesar de devastadora, é uma carta que entra num drop delicado, o do Hymn to Tourach/Ratos Raivosos no turno 2. Apesar de ser consideravelmente mais cara, ela não faz tanta falta quanto Chain Lighning no pauper.

Link com listas que ficaram de fora dessa breve análise: http://bit.ly/pwmxxY e http://bit.ly/oeEc1o (mais dois top 8s)

Goblins – Lembre-se que você pode usar Goblin Grenade no papel! Prefiro ele ao Burn (mesmo este último tendo melhores resultados recentemente).
Storm – Tenho esse RGUB storm montado no papel e posso asseverar que sem um software para contar mana automaticamente, é um deck de jogabilidade terrível. Além disso, requer bastante treino e não exatamente interage com o oponente.
Monogreen LD – Termocrase é incomum no papel. Para mim, isso torna o deck menos interessante.
Izzet – Nunca testei, mas não consigo gostar. Não me sinto confortável para falar sobre.
Dead Dog – o deck que usa criaturas com madness e dredge. É interessante e a versão com splash branco deu fôlego para o deck.
Familiar – Depois do banimento de Busca Frenética, acho que esse deck há não vale mais tanto a pena. Ele é o que usa cartas azuis, Familiar de Sunscape e Familiar de Nightscape

Os decks citados não esgotam os arquétipos do pauper, existem muitas outras listas e campo para a criação de decks novos que podem ter algum sucesso (vale a pena ousar). No quesito Sideboard, vale a pena ter alguma noção de como é o meta de onde você vai jogar ao invés de pegar o sideboard da internet (ex. Tremor Sísmico pode ser inútil num meta sem Storm, enquanto pode ser interessante usar 4 Explosão de Chamas e 4 Explosão Elemental do Vermelho num meta com muitos decks azuis – ou 4 Explosão Hídrica e 4 Explosão Elemental do azul num meta repleto de decks vermelhos, que é um cenário mais comum).

Se possível, monte mais de um deck, crie seus próprios decks, modifique decks de internet, enfim, aproveite que o formato é relativamente aberto e muitos decks “rogue” aparecem nos torneios de papel. O conselho do dia é: Quando a vida te dá oportunidades para inovar, deixar de fazê-lo pode ser, na verdade, um retrocesso.

Fim

5 comentários:

  1. João de Campo Grande4 de agosto de 2011 16:32

    Gostei do artigo. Aqui no Recife estamos jogando Pauper T2, mas o que você escreveu é uma mina de ouro, porque eu acho as informações sobre o formato meio perdidas na internet. COntinue assim! o/

    ResponderExcluir
  2. Olhe no site oficial6 de agosto de 2011 07:15

    Goblin Grenade não pode usar no pauper.

    Example: Hymn to Tourach, another uncommon from Masters Edition II, is not legal for use in the Magic Online Pauper format. Even though Hymn to Tourach was printed as a common in the Fallen Empires set, that set was never released on Magic Online

    Lembre-se que PAUPER é um formato do mtgo se o booster não têm no mtgo não conta como pauper.

    http://www.wizards.com/Magic/TCG/Resources.aspx?x=magic/rules/Pauper

    ResponderExcluir
  3. Valeu pelos comentários positivos!

    CORREÇÃO: Arc Trail - de onde eu tirei Arc Trail? Realmente é incomum (My bad, my bad, my bad) - leia-se "Explodir em Raios" (burst lightning) onde eu escrevi Arc Trail (tem uma parte do meu cérebro que condensa burst lightning, arc trail, forked bolt e galvanic blast como uma coisa só - tenho mania de chamar um pelo nome do outro.)...

    Goblin Grenade e Hymn to Tourach - O que eu falei sobre Goblin Grenade (e Hymn to Tourach) é que se você pegar a lista do MOL para jogar fora da internet, com cartas de papel, você coloca Goblin Grenade. No MOL você não pode usar Goblin Grenade e Hymn to Tourach no pauper - mas só no Mol, na vida real geralmente pode (falo "geralmente", pois é sempre bom perguntar para o organizador direitinho o que pode e o que não pode).

    Affinity - Eu citei os decks que estavam nos links, por isso o affinity ficou de fora. Foi meio injusto, já que muita gente adora affinity. Nesse link tem uma lista de affinity que fez 4-0: http://bit.ly/peMFWx

    Listas - essas listas do "What's Happening" aparecem no "Decks of the Week" - um link que aparece e some do Daily MTG (estava lá até ontem). Coloquei o link pro "What's Happening" (o primeiro do post) porque esse não muda, é mais fácil pra "favoritar"...

    Eu ia comentar isso na Liga Magic, mas do pináculo da minha habilidade, errei a senha várias vezes e bloqueei minha conta por 1 hora :). Como as pessoas acabam vindo para cá, tentei sanar as falhas e omissões aqui na caixa de comentários do blog mesmo.

    ResponderExcluir
  4. @João de Campo Grande:
    Parabéns pela iniciativa de organizar torneios pauper!

    Eu sei de um fórum de pauper standard: http://bit.ly/qvizpK

    E desse tópico com listas Tier 1: http://bit.ly/qvizpK

    ResponderExcluir
  5. Poderia me passa a lista desse deck monogreen infect?

    ResponderExcluir